Pedro Leopoldo vai sediar a nova fábrica de cerveja da Heineken que deve gerar mais de 300 empregos

         Pedro Leopoldo vai sediar  a nova fábrica de cerveja da Heineken, que será a 16ª unidade do grupo no Brasil, a Heineken prevê expandir o seu crescimento no segmento de cervejas premium.
       “A localização é estratégica para a companhia, uma vez que a região Sudeste é extremamente importante para o crescimento das categorias premium e mainstream”, afirma Maurício Giamellaro, presidente do Grupo Heineken no Brasil, em nota.
Heinekken vetor norte
       Expectativa é da geração de 300 empregos diretos.
O governador do estado, Romeu Zema, comemorou a novidade em sua conta oficial no Twitter após uma reunião de representantes da empresa com membros da Secretaria da Fazenda de Minas Gerais e da Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais (INDI).
       De acordo com o grupo, os rótulos produzidos na unidade serão: Heineken, Amstel e Devassa. Atualmente, a companhia possui mais de 13 mil colaboradores no Brasil, sendo a segunda maior produtora de cerveja do país.
A data para início das obras no vetor norte ainda não foi divulgada, mas a expectativa é de início ainda no primeiro semestre de 2021.
      Sobre a Heineken:
A empresa possui mais de 13 mil funcionários no país, sendo a segunda maior produtora de cerveja do país. "A chegada de uma gigante como a Heineken em Pedro Leopoldo é uma ótima notícia para Minas Gerais. Serão mais investimentos e empregos para os mineiros, algo que nosso governo tem se esforçado muito para tornar possível. Confio que será apenas o início de uma longa e produtiva parceria", destacou.
Rate this item
(0 votes)

Deixe um comentário em nosso mural

Certifique-se de inserir todas as informações necessárias, indicadas por um asterisco (*). Código HTML não é permitido.